!!!!!NOVO!!!!! FÓRUM EM PORTUGUÊS

Fórum Bíblia Aberta onde você pode debater e estudar temas Bíblicos assim como colocar questões sobre a Bíblia e/ou Cristadelfianos. http://www.bibliaaberta.comeze.com/phpBB3/

sábado, 17 de novembro de 2012

Capítulo 41 - Israel: escolhido ou rejeitado?

41 - Israel: escolhido ou rejeitado?
___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
Quem são os herdeiros das promessas feitas a Abraão? Os descendentes de Abraão, Isaque, Jacó herdaram pelo nascimento um direito às promessas? Israel é conhecido como “o povo escolhido” mas será ao rejeitar Jesus ficaram desqualificados? Este capítulo analisa a posição de Israel como o povo escolhido de Deus.
___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


Passagem em foco: Romanos 9-16


Paulo ansiava pela conversão dos Judeus, assim como ele fora convertido. Ele estava consternado que eles tinham sido recipientes de bênçãos tais e no entanto não respondiam favoravelmente a Deus. Paulo não conseguia entender porque não acreditavam em Deus e não o seguiam quando ele lhes tinha dado tais glórias.

1. Quais eram os eventos notáveis que Paulo achava que deviam convencer os Judeus a responder a Deus?
2. O que ele quis dizer quando escreveu “nem todos os de Israel são, de fato, israelitas”?
3. Porque refere-se Paulo às palavras proferidas por Moisés “Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia e compadecer-me-ei de quem me aprouver ter compaixão.”?

___________________________________________
Árvore da família

Abraão - Isaque - Jacó(Israel) - (Rúben, Simeão, Levi, Judá, Issacar, Zebulão, José, Benjamim, Dã, Naftali, Gade, Aser) -> A nação de Israel(Judeus)
Abraão - Isaque - Esaú
Abraão - Ismael
___________________________________________

___________________________________________
Definições

Hebreu: Um termo aplicado originalmente aos descendentes de Abraão antes da nação de Israel ter sido formada. Mais tarde veio a significar Israelita. É possível que derive de “Éber” (um antepassado de Abraão).

Israelita: Um descendente de Jacó. O nome de Jacó foi alterado por Deus para Israel (Génesis 32:28; 35:10).

Judeu: Originalmente uma pessoa do reino do sul, Judá. Gradualmente veio a ser usado para descrever qualquer pessoa de nacionalidade Israelita.

Gentio: Qualquer pessoa que não é um Israelita por nascimento.
___________________________________________

O povo escolhido por Deus

Os Judeus têm uma herança natural através dos seus patriarcas Abraão, Isaque e Jacó.

- Deus fez promessas a estes homens, as quais são descritas no Novo Testamento como “preciosas e mui grandes promessas”(2 Pedro 1:4). Estas promessas formaram a base do evangelho de Jesus Cristo.
- Foi através de Israel que Deus se deu a si e ao seu plano a conhecer à humanidade — por revelação aos profetas e a outros líderes da nação.
- Israel foi escolhido por Deus para ser a sua testemunha. Isaías diz Vós sois as minhas testemunhas, diz o SENHOR, o meu servo a quem escolhi. (Isaías 43:19)
As outras nações eram para ver a nação de Israel e observar uma população modelo — vivendo como uma comunidade que observava as leis de Deus. Infelizmente a maioria muitas das vezes não vivia à altura do seu chamamento.
- Jesus é descendente de Abraão, Isaque e Jacó(Mateus 1; Lucas 3).

João escreveu “a salvação é dos Judeus”(João 4:22). Ou seja, a porta da salvação é aberta através do que Deus revelou e prometeu aos Judeus no tempo do Antigo Testamento e através de Jesus ser um Judeu.

A rejeição de Jesus

Houve muitos Judeus que aceitaram Jesus como o Messias. O livro de Actos descreve uma grande congregação de crentes em Jerusalém e muitos dos primeiros crentes em outros lugares eram também Judeus. No entanto, a maioria dos Judeus negou a autoridade de Jesus. Apesar do seu lugar privilegiado como povo escolhido por Deus, a nação rejeitou Jesus, e assim também rejeitou o Pai(Lucas 10:16).

O mesmo acontece hoje. Em Israel, nem o Governo nem os líderes Judeus ortodoxos nem a maioria do povo reconhece Jesus como o Messias.

“Nem todos os de Israel são, de fato, israelitas”

O apóstolo Paulo explica um ponto importante em Romanos 9. Ele escreveu que nem todos os que eram descendentes naturais de Jacó(Israel) eram necessariamente herdeiros das promessas. Inversamente, em Gálatas 3 escreveu que aqueles que não eram descendentes de Israel mas que obedeciam em fé podiam se tornar herdeiros.

Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus; porque todos quantos fostes batizados em Cristo de Cristo vos revestistes. Dessarte, não pode haver judeu nem grego; nem escravo nem liberto; nem homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus. E, se sois de Cristo, também sois descendentes de Abraão e herdeiros segundo a promessa. (Gálatas 3:26-29)

Assim os verdadeiros Israelitas são aqueles que herdam as promessas, não devido à sua raça mas por causa da sua fé. Pedro escreveu

Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós, sim, que, antes, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus, que não tínheis alcançado misericórdia, mas, agora, alcançastes misericórdia. (1 Pedro 2:9-10)

A parábola da oliveira

Imagem

Romanos 11:17-24 contém uma parábola acerca da oliveira. Na parábola, a nação de Israel é representada por uma oliveira. Alguns dos ramos da oliveira foram arrancados. Estes ramos representam os Judeus que não creram em Deus, e estão consequentemente excluídos do seu plano de salvação. Rebentos de oliveira brava, podem ser enxertados na oliveira. Estes rebentos representam os crentes Gentios ao serem enxertados na família de Deus por causa da sua fé. Eventualmente, alguns dos ramos originais voltam a ser enxertados na oliveira. Estes ramos representam Judeus que se voltam a tornar para Deus e creem.

Paulo escreve

Pergunto, pois: terá Deus, porventura, rejeitado o seu povo? De modo nenhum! Porque eu também sou israelita da descendência de Abraão, da tribo de Benjamim. Deus não rejeitou o seu povo, a quem de antemão conheceu. (Romanos 11:1-2)

Deus não rejeitou o seu povo escolhido de Israel, mesmo que a nação tenha rejeitado os profetas que lhes enviou e depois rejeitaram o seu filho. Deus proveu a oportunidade para alguns Judeus como Paulo, serem enxertados de novo na “oliveira” por causa da sua fé.

Sumário


- Os descendentes de Jacó tornaram-se na nação de Israel. Através deles Deus tornou as suas leis, mandamentos e profecias conhecidos à humanidade.
- Foram escolhidos por Deus para ser suas testemunhas. Eram para ser um exemplo do modo de viver piedoso para as outras nações. Infelizmente raramente fizeram isso.
- A rejeição de Jesus Cristo foi uma tragédia que levou à crucificação.
- Judeus e Gentios podem ser herdeiros das promessas de Deus feitas aos patriarcas de Israel, se forem fiéis.

Para refletir

1. Leia Romanos 11:2 e Romanos 11:20. Como explica esta aparente contradição?
2. Que provisão havia no Antigo Testamento para que Gentios se tornassem parte do povo escolhido por Deus? Veja Êxodo 12:48; Levítico 22:18-19; Números 15:14-16; Deuteronómio 31:12-13; Rute 1:16-18; Isaías 14:1; 56:6-8; Jeremias 12:14-17.
3. Leia Romanos 9:16 mais uma vez. Depois leia Provérbios 16:9 e 21:31. O que estes versículos nos ensinam?

Para investigar mais

1. Encontre outras referências à oliveira nas Escrituras. Também nesses lugares representa Israel?
2. Ezequiel 20:40-43 diz que os Judeus se voltariam para Deus quando retornassem do cativeiro.
a) Siga as referências cruzadas destes versículos para encontrar passagens com predições similares a estas.
b) Atualmente, a maioria dos Judeus são ateus. Como é que esta mudança de coração poderá ocorrer? (Dica: leia Zacarias 12:9-10; 14:1-3 e Malaquias 4:5-6. Alguma destas passagens dá alguma pista?)

Quer saber mais?

- Os Cristadelfianos - Em que eles acreditam e pregam de Harry Tennant, Capítulo 25: "O Enigma de Israel". Este capítulo fala das profecias sobre Israel e também do papel de Israel como o povo escolhido por Deus.

--> Veja também:

3. Profecias acerca de Israel
40. As promessas que Deus fez a Abraão e David

Sem comentários:

Enviar um comentário